Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Diario de uma emigrante

Um blog, de auto-ajuda, criado para partilhar a minha experiencia de vida e o meu dia-a-dia. Contado na primeira pessoa, enquanto emigrante, na Republica da Irlanda, desde 2005.



Domingo, 29.06.14

De Conhecidos... A Meus Amigos!

Ha dias em que me pergunto, se sou a unica a ter dias bons e menos bons na vida...

Ha dias que chegam ao fim e pergunto-me onde estava toda a tecnologia, pois nao fomos capazes de tirar a porra de uma foto!

A ultima vez que senti isso, foi quando estive em Portugal, em Janeiro, para passar os meus anos.

Reuni umas amigas ca em casa e de tanto mulherio com telemovel ''XPTO'' ninguem se lembrou de tirar uma foto.

Tudo porque o que estavamos a viver era bom demais, para nos lembrarmos de tal pormenor.

Eternizar esse momento, nem que fosse com uma foto, teria sido bom, mas nada mais do que isso.

Meses passados, e ao rever as mesmas pessoas, tive a certeza que o que senti naquele dia, foi sentido pelas outras tambem, e com a mesma intensidade.

A turbilhao de sentimentos vividos fez-nos querer estar no aqui e agora, de forma tao intensa, que ninguem se lembrou do depois, do amanha, de fotos.

Ha dias que nos marcam a memoria e o que guardamos deles, e o maior presente de todos, o prazer de os termos vivido, na primeira pessoa.

Sao dias inesqueciveis.

Dias que nos aquecem o coracao e nos enchem a alma.

Dias que nos servem de inspiracao e em que inspiramos outros, tambem.

Carregamos as pessoas no coracao e muitas vezes, elas acabam por entrar nas nossas vidas de pantufas ou de jacto.

Todos temos dias e pessoas assim.

Estou certa disso.

A medida que o tempo passa, uma das coisas que sinto em mim, a mudar, e a minha postura perante alguns familiares e conhecidos.

Muitos deles (sabem, bem quem sao!) nao me conheciam de todo.

Reconheciam-me na rua ou em fotos, mas conhecerem-ME, nao me conheciam.

Estou bem ciente, que a minha timidez, foi durante muitos anos, substituida, por uma aparente arrogancia, que aos poucos fui perdendo, devendo-se a muitos factores, que nao adianta estar aqui a mencionar.

Na verdade, hoje em dia, conhecem-Me mais do que eu a eles...

A esta altura quase que podia imaginar a cara de cada um dos meus familiares e amigos, que hoje em dia, podem dizer que me conhecem.

Alguns deles pensam, imediatamente, ao lerem estes desabafos...'' (MESMO CARLA!!!)''.

Sei bem disso e sei bem quem sao.

Mas sao esses que convido a entrarem na minha vida, e que vou entrando, aos poucos, nas deles, tambem.

Muitos sao amigos de escola e outros familiares.

Comecei a olhar para cada um deles de forma diferente.

As vezes, sinto-me quase ''nua'' ao pe de muitos deles.

Sei que muitos leem estes meus desabafos, calados, sem nunca dizerem ou manifestarem uma palavra.

Mas passam a conhecer-me.

Sabem-me, bolas!!!

E acham que eu nao sei disso.

Mas eu sinto-os. ;)

E sim....fico feliz.

Ok , ok...um pouco vaidosa ate, confesso.

Vaidosa de mim mesma, porque me deparo a considerar amigas, muitas pessoas, que ate ha pouco tempo, meses, anos ate, eram somente conhecidas minhas.

E quanto mais penso nisso, mais penso nos meus ''macaquinhos no sotao'', na licoes que tenho aprendido com alguns ''anjos'', e com o facto de que eu estou a mudar.

Depois que me assumi, como e quem eu realmente sou, sem medos de ser julgada, mas preparada para tal,  percebi que quem esta ao meu lado, e apenas quem quer e quem eu gosto.

Nao faco fretes a ninguem.

E nisso continuo a ser muito eu...

Eu sou o que esta a vista....aos que me conhecem pessoalmente e nao so.

Escrevo sobre mim e sobre o que eu acho que preciso escrever.

Escrevo para mim, acima de tudo.

Ha dias como o de hoje, que comeco a escrever, planeando falar sobre o meu dia (de hoje), e de como e quanto ele foi FENOMENAL.

Ainda assim, acabo por adiar essa partilha, preferindo manter todos estes sentimentos so para mim, e de alguma forma abracar e sentir-me abracada por eles.

Pode ser que conte amanha, ou depois, ou depois, ou um dia.

Por hoje, o que sei, e que sinto-me uma abencoada!!!

E com o coracao cheio, cheio, cheio de amor.

Beijinhos de Mim

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diario de uma emigrante às 00:10


2 comentários

De Anónimo a 29.06.2014 às 07:33

☆☆☆☆☆☆

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Junho 2014

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930