Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Diario de uma emigrante

Um blog, de auto-ajuda, criado para partilhar a minha experiencia de vida e o meu dia-a-dia. Contado na primeira pessoa, enquanto emigrante, na Republica da Irlanda, desde 2005.



Terça-feira, 23.07.13

Um dia especial...para mim.

Hoje e um dia muito especial para mim!
Hoje, o maridao ficou com os miudos, para eu poder realizar um desejo, ou alias, um sonho, MEU!
Os adultos, as vezes, ou, a moioria das vezes, fazem-me rir.
Ensinam-nos tanta coisa...quando somos criancas, que o pior, e que muitas delas, sao um perfeito disparate e contrasenso.
Ensinam-nos a ser solidarios e partilhar.
Ora vejamos.
Sabem aquele bolo que so damos de vez em quando aos nossos filhos?
Aquele que eles adoram, mas que sabemos que em excesso lhes faz mal e vai prejudicar a sua saude...
E nesse momento, esta uma crianca ao seu lado. E nos fazemos questao de os obrigar a partilhar.
Partilhar esse bolinho tao bom, tao gostoso, que os fazem tao deliciosamente felizes...
Obrigamo-los a partilhar!!!
Com alguem que eles nao conhecem de lado nenhum...
Mas ainda assim, temos a consciencia de que devemos ensinar os nossos filhos a partilharem, o pouco que ja tem, e que gostam tanto, com outros seres, iguais a si mesmos.
Nesse momento nao queremos saber se o outro ser, precisa ou nao.
Obrigamos os nossos pequenos a partilhar e pronto!
Talvez fosse por isso, que ficamos traumatizados quando, nos proprios, eramos criancas...
Hoje em dia olho para esses momentos de outra forma!
E pergunto-me o que nos aconteceu.
Partilhar o que e dos outros e muito bom...realmente.
Entao nao e que OBRIGAMOS os nossos tesourinhos a partilhar, com o falso intuito de ensinar a partilhar, mas na hora de NOS sermos solidarios e partilharmos, ACREDITAMOS que o que temos pouco, e, por isso, nao podemos partilhar o pouco que temos.
Talvez levados a acreditar pelo comsumismo puro, que o que temos, se partilharmos, nos fara falta!
Claro que pode fazer, mas vamos ser verdadeiros com nos mesmos...na maioria das vezes, nao vai fazer falta, e no fundo sabemos bem disso...
E pena que nao paremos para pensar, que naquele momento em que OBRIGAMOS, os nossos tesouros a partilhar aquele bolo, tambem nao nos lembremos, que o pedaco que os OBRIGAMOS a partilhar, tambem lhe vai fazer falta...porque vai comer menos de algo que ja e raro ter!
Mas o dinheiro continua a mandar em nossas vidas, quer reparemos nesse facto, ou nao, e esta e uma dura e triste realidade.
Vejo o quanto as pessoas podiam ajudar os outros, mesmo com o pouco que cada um tem. E vejo tambem a nao o fazermos.
Fico genuinamente triste e faz-me ter vergonha se ser gente. De fazer parte deste mundo.
Em que ironicamente ainda dizem que, se Deus existisse, nao deixava haver tanta miseria no mundo.
Quando se TODOS partilhassemos, nao haveria uma unica pessoa a morrer de fome neste mundo!
Uns chamam-lhe utopia...outros um sonho.
Mas nem por isso John Lenonn deixou de ter exito na sua melodia, talvez porque todos sabemos que depende de cada um de nos.
Mas como madre Teresa disse...isto nao tem nada haver entre voce e os outros, mas sim entre voce e Deus!
Beijinhos De Mim.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diario de uma emigrante às 10:29



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Julho 2013

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031