Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Diario de uma emigrante

Um blog, de auto-ajuda, criado para partilhar a minha experiencia de vida e o meu dia-a-dia. Contado na primeira pessoa, enquanto emigrante, na Republica da Irlanda, desde 2005.



Segunda-feira, 13.01.14

Uma licao depois da escola!

Antes das ferias de Natal, ja nao me recordo, o porque, mas o JP nao levou o lanchinho de casa para a escola.

Dei-lhe 10 euros para comprar la o que quisesse para os dois intervalos, que tem.

Trouxe-me oitenta centimos de troco.

Vinha muito contente. Tinha sido um dia diferente, para ele.

Por isso mesmo, no ultimo dia de escola, antes das ferias de Natal, voltei a dar-lhe 10 euros, para almocar, novamente, na escola. Sabia que ia ficar contente e decidi dar-lhe este miminho. Ainda que a escola acabasse as 12.50h, em vez, das normais 15.35h, a sexta-feira.

Chegou a casa e tratou logo de dizer que vinha com fome.

Que so tinha gasto 2,50 euros, mas que nao tinha troco.

-''Explica la isso!!!''- disse eu.

''Mae, olha dei 5 euros a um amigo meu e 2,50 euros a uma colega minha!''- disse-me estas palavras todo contente, com um sorriso de orelha a orelha e claramente orgulhoso de ele mesmo e da atitude dele.

Confesso que nao achei piada nenhuma, ainda que voces possam dizer, ohhh que querido!!

Vamos la com calma!!

Deu 7,50 euros a dois colegas....

-''Mas eles precisavam JP, nao tinham levado lanche, foi isso???''- perguntei para perceber os contornos da atitude dele.

-''Nao mae!!! Olha dei....eles nao sao ricos, sabes mae!''

Nao soube muito bem o que pensar da atitude do meu filho. Se por um lado, queria que ele percebesse que nao se deve dar dinheiro, da forma tao, assustadoramente, descontraida com que ele o fez; por outro, e com alguma reflexao, percebi que era o dinheiro dele e que eu tinha, tambem, a minha parte de culpa.

Num primeiro momento, desatei a barafustar com ele. Na tentativa de lhe explicar que o que ele tinha feito era errado. Que esse dinheiro dava para ele comprar outras coisas que quisesse e ou precisasse, ou em ultimo caso, dava-me o troco, como da ultima vez....

A medida que eu lhe dizia isto e as suas expresoes faciais e corporais iam mudando, percebi em segundos, que alguma coisa nao estava bem.

Comecou por me dizer, que ele nao precisava de comprar nada para ele, que nao queria nada e que assim sendo ele nao precisava do dinheiro, porque ele tem tudo o que precisa, em casa. E que so tinha fome, porque o ultimo intervalo, tinha sido por volta das 11h.

Quando disse isto ao maridao, ele olhou para mim, com aquela cara.....

Sim, perceberam bem, aquela cara!

-''Carla, ele nao esta a fazer nada de diferente, daquilo que tu fazes!''- baixou os olhos e continuou de volta do seu pc.

Pois.....

Pois!!!

POIS NAO........!!!!

Mesmo quando o dinheiro nao abunda, mas achamos que nao precisamos, que nao queremos comprar nada, que ja temos o que precisamos, por alguma razao, partilhamos com as pessoas que gostamos.

Sim, afinal eu percebi, que ele e igual a mim; ou me tem como exemplo.

Seja como for, eu devia um pedido de desculpas ao meu filho de 14 anos.

Pedi-lhe, entao, desculpas e expliquei-lhe, que ele devia pensar um pouco melhor, sobre os motivos que o levaram a, simplesmente dar o dinheiro, a alguem que nao precisava.

Mas que ainda assim, estava orgulhosa da atitude dele e que tinha agido a quente, quando ele chegou a casa, dizendo que vinha cheio de fome.

Muitas vezes, penso que o JP nao sabe ainda lidar com dinheiro; outras, dou-me conta, que esta a desepenhar apenas, e somente, o seu papel aqui na terra, sendo, um tipico menino Indigo.

Poe-me a prova, diariamente.

Desta vez, foi com a necessidade real que temos do dinheiro.

Se temos um bocadinho, pro dia de amanha (e ele tinha!), se nao precisamos nem queremos comprar nada, quando achamos que temos tudo que e necessario, porque nao fazer o bem e partilharmos um bocadinho com quem achamos que precisa??? 

Nao sei quem esta a acabar por ensinar quem.....ele a mim ou eu a ele????

 

Beijinhos de Mim

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Diario de uma emigrante às 15:08


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Janeiro 2014

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031